DEPUTADO HILTON AGUIAR

DE MAOS DADAS COM O POVO

VEREADOR JUNIOR TAPAJOS

O FUTURO DE SANTARÉM ESTÁ EM NOSSAS MÃOS

DEPUTADO FEDERAL CHAPADINHAo

LUTANDO PELO POVO DO PARÁ.

Páginas

sexta-feira, 29 de novembro de 2013

Veículos do transporte Escolar só podem ser usados para transportar estudantes

Ônibus, bicicletas e embarcações do programa Caminho da Escola adquiridos por prefeitos e governadores de todo o país devem ser usados exclusivamente no transporte de estudantes das redes públicas. Resolução do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), publicada na última quinta-feira, 21, limita o uso dos veículos à participação de estudantes em atividades educacionais — ir e voltar da escola e acesso a atividades externas pedagógicas, esportivas, culturais ou de lazer previstas no plano da unidade de ensino.
Além de estabelecer os critérios de uso dos veículos do Caminho da Escola, programa do governo federal, a resolução estabelece que, sem prejuízo ao atendimento dos alunos residentes nas zonas rurais e matriculados em escolas públicas, a prefeitura ou o estado pode usar ônibus, lanchas, barcos ou bicicletas no transporte escolar urbano, desde que seja regulamentado.
A manutenção de ônibus e embarcações, segundo a resolução, é de responsabilidade exclusiva do estado ou da prefeitura detentor da posse do veículo. O transporte dos alunos deve ser gratuito. No caso da bicicleta escolar e dos equipamentos de segurança que a acompanham, tal como o capacete, a manutenção pode ser compartilhada com estudantes e pais.
Para usar lanchas ou barcos escolares que integram o programa Caminho da Escola, prefeitos e governadores devem obter concessão ou permissão da autoridade marítima.
Evolução — Dados da Secretaria Executiva do Ministério da Educação mostram a evolução do programa Caminho da Escola na aquisição de veículos. No período de 2008 a 2013, prefeituras e governos estaduais e do Distrito Federal adquiriram 32.944 ônibus do programa e, entre 2011 a 2013, adquiriram ou receberam, em doação do governo federal, 172.061 bicicletas. De 2010 a 2012, em regiões do país nas quais predomina o transporte por via fluvial, o programa doou 674 lanchas.
Criado em 2007, o programa Caminho da Escola tem entre seus objetivos renovar a frota de veículos escolares (ônibus e embarcações), garantir a segurança dos estudantes e a qualidade do transporte e contribuir com a redução da evasão escolar. O programa também visa à padronização dos veículos, a redução dos preços e o aumento da transparência nas aquisições.
Aquisição — Estados e prefeituras podem adquirir os veículos com financiamento do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e com assistência financeira do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), por meio do Plano de Ações Articuladas (PAR). Outra opção é a compra com recursos próprios. O FNDE promove pregões — as secretarias de Educação podem aderir — para obter melhores preços. Em 2010, o programa foi ampliado com a oferta de bicicletas para uso de estudantes de escolas rurais e urbanas.

A Resolução do FNDE nº 45, com os critérios de uso dos veículos do Caminho da Escola, foi publicada no Diário Oficial da União de quinta-feira, 21, seção 1, páginas 11 e 12.

quarta-feira, 27 de novembro de 2013

LUZ PARA TODOS COMEÇA NESTE DIA 30 E VAI CONTEMPLAR COMUNIDADES DE AVEIRO E ITAITUBA.

Não vai ser necessária nenhuma atitude radical de protesto por parte de moradores de comunidades e vicinais que aguardavam com expectativa a garantia do Grupo Equatorial (Rede Celpa) que mandou representantes a Câmara de vereadores na sessão desta terça feira dia 26 para oficializar o início dos trabalhos neste dia 30 de
Novembro.

 Em sessão presidida pelo vereador Wescley Tomaz, com presença na mesa do prefeito de Aveiro Olinaldo Barbosa (Fuzica), Alexandre Ferreira de Freitas, Jeovan Venâncio Chagas, e do Coordenador de Iluminação Pública Wesley Sena, foram dirimidas todas as dívidas dos presidentes de comunidades e moradores de diversas comunidades de Itaituba e Aveiro.

 
O Engenheiro da Rede Celpa Alexandre Ferreira de Freitas, anunciou que os trabalhos para implantação do Programa Luz para todos tem início dia 30 deste mês contemplando cerca de 73 comunidades de Itaituba e várias outras de Aveiro.Alexandro disse que a empresa responsável é a Raio de Luz.

 Citou de Aveiro as comunidades de Transforlândia, Fordlândia, Nova esperança, São Tomé, Lago do Cupu, Cauassu-e-pa, Curiteça, ramal do 70, Egito entre outras. O representante da Celpa respondendo questionamentos sobre algumas comunidades que não foram citadas na lista, afirmou que a escolha sobre quem vai ser contemplado com o Luz para todos é feita exclusivamente pelo Comitê gestor que é formado pelo Sebrae, Arcon, CUT, Eletronorte e outras entidades governamentais e não governamentais,cabendo a empresa rede Celpa apenas executar os serviços determinados pelo Comitê gestor.

 A reunião foi solicitada pelo vereador Nicodemos Aguiar que não se presente.Tanto Aveiro quanto Itaituba estão contempladas nos blocos 4 e 5,sendo que os trabalhos foram retomados elo Grupo Equatorial onde Itaituba vem sendo a cidade melhor contemplada agora nesta nova etapa contempladas nos blocos 4 e 5, sendo que os trabalhos foram retomados pelo Grupo Equatorial onde Itaituba vem sendo a cidade melhor contemplada agora nesta nova etapa.

Sob ameaças em relação ao não início dos trabalhos o engenheiro da Celpa disse que de nada adiantaria a comunidade derrubar postes ou fazer outra ação danosa, já que a\ Rede Celpa não tem nada a ver sobre as comunidades selecionados, ação essa que compete apenas ao Comitê Gestor. 

Os esclarecimentos e anuncio do inicio das obras ocorreu após uma ligeira polêmica sobre o espaço de explanação dedicado a empresa que na sessão ordinária ficaria inviabilizada, questão essa levantada pelo vereador Isaac Dias e que após argumentações o presidente da Cãmara deu por encerrada a sessão ordinária destinando uma sessão especial apenas para tartar do assunto em pauta que foi Luz para Todos. 

O presidente da Câmara Wescley Tomaz disse que a satisfação das comunidades e o compromisso do início dos trabalhos é mais uma importante conquista da Câmara que tem brigado pelos interesses da comunidade em toda ou qualquer circunstância. João Paulo Meister(PT) também ficou satisfeito como resultado da reunião de trabalho.

segunda-feira, 25 de novembro de 2013

SABIA DE TUDO - Para o ministro Marco Aurélio Mello do STF, Lula sabia do mensalão

O ministro Marco Aurélio Mello, do STF, disse acreditar que Lula sabia da existência do mensalão. “Eu não posso imaginar que alguém atilado como é o ex-presidente Lula, safo como eu disse, não tivesse conhecimento do que estava ocorrendo na República”. Na versão do delator Roberto Jefferson, Lula teria vertido lágrimas ao ser comunicado por ele da existência do esquema. Em entrevista ao blog, Marco Aurélio levou o pé atrás: “Será que durante os oito anos [de mandato] ele delegou tanto a chefia do governo?”

Marco Aurélio recebeu o repórter na tarde desta segunda-feira (18) no seu gabinete no Tribunal Superior Eleitoral. Nesta terça-feira (19), ele assumirá pela terceira vez a presidência da Corte máxima da Justiça Eleitoral. Disse esperar que a Câmara casse os mandatos dos deputados federais condenados no julgamento do mensalão. “Eu não concebo que, em se tratando de um crime contra a administração pública, vindo à tona uma decisão condenatória, o condenado continue exercendo o mandato político.”
O ministro realçou que uma das consequências da execução da pena é “a suspensão dos direitos políticos” do condenado. “Logicamente, quem está com os direitos suspensos não pode exercer o mandato”, enfatizou o entrevistado. Marco Aurélio reconheceu que houve uma “involução” do STF nessa matéria. Ao julgar outro processo, envolvendo o senador Ivo Cassol (PP-RO), o tribunal entendeu, por 6 votos a 5, que não cabe ao Judiciário “declarar a perda do mandato político”. Ainda assim, ele defende a cassação automática.
Para Marco Aurélio, não caberia à Mesa diretora da Câmara senão “constatar o fato, conferir a documentação do fato e, diante de uma decisão do Supremo, simplesmente proclamar a perda” do mandato. “Nós temos o exemplo [de Natan] Donadon que, condenado a 13 anos, continua ainda titular do mandato”, afirmou o ministro antes de manifestar sua expectativa de que a Câmara não irá permitir que se forme uma bancada da Papuda. “A cobrança da sociedade, ante o acompanhamento da imprensa, é muito rígida. E o nosso Congresso está a dever satisfações à sociedade.”

sexta-feira, 22 de novembro de 2013

VEREADOR PAULO HENRIQUE PRECONCEITUOSO É REPUDIADO POR POPULARES




                       
Na última sessão realizada no prédio da Câmara Municipal de Aveiro no dia 19 deste mês, o vereador Paulo Henrique, funcionário Público do Estado, Funcionário da Prefeitura Municipal de Aveiro, vereador do município, líder de governo na câmara. O povo não se pergunta como Paulo Henrique encontra tempo para está cumprindo seus horários  integrais nos seus empregos.
Nesta sessão o vereador inconformado com a revolta do povo, já que ele treina muito para dizer que está do lado do povo e para encontrar álibi para sua incompetência usando de baixaria, achou por bem usar da sua ignorância a troco de defesa a deficiência física desse profissional, como saída de escape e escudo da prepotência. Pois, falar da minha deficiência física em plenária e para público, ele achou que engrandeceu e pode esconder a sua deficiência maior que é a mentira.
 O público presente repudiou contra o vereador preconceituoso, saindo em defesa do repórter, porque eu não me fazia presente no local em virtude de está na minha empresa particular trabalhando não fui acompanhar a manifestação, por que Deus não quis. Ele é bom de mais, por que os covardes se aproveitam da ausência das pessoas.
Vereador a falta de atitude de um homem quando não defende os mais necessitados, mostra para o público que o ajudou e eleger-se, seja ele a troco de promessas fica claro que jamais poderemos nos equipar na honestidade e sinceridade.

Providencias junto aos órgãos competentes serão tomadas para que haja justiça e que sirva para os ignorantes e os preconceituosos, por que “a minha deficiência é pequena diante da prepotência e as mentiras que propagam para o povo , pois,sou outorgado pela lei para defender os direitos do povo,enquanto o seu mandato , se chegar a quatro anos vai ser muito.

terça-feira, 19 de novembro de 2013

Analise da Manifestação do Dia 19/11/2013 no Município de Aveiro-Pa


Na Manhã do Dia 19/11/2013 um grupo de pessoas organizarão uma manifestação no Município de Aveiro-Pa tendo no Máximo umas 30 pessoas, mais isso não vem ao caso, pois esse grupo de pessoas que estavam exigindo do Prefeito Olinaldo Barbosa respostas do porque o Município estaria passando por essa crise.
Os Grupos de mais ou menos 30 pessoas se reunirão em frente o Mercado Municipal e por volta das 9h30m se dirigiu para frente da prefeitura querendo saber do gestor municipal por que o Município estaria passando por está crise. Todos sabem seus deveres e seus direitos mais na maioria da vez só querem saber dos seus direitos e esquecem de seus deveres, SERÁ QUE ESSAS PESSOAS PAGAM SEUS IMPOSTOS DIREITINHO? O Município de Aveiro não recada nem um tipo de imposto como IPTU, ALVARÀ, IPVA e outros para que o Município possa repassar esses impostos para população com obras e construções para o desenvolvimento de Aveiro-Pa, de 200 comércios no Município menos de 5% paga seus impostos corretamente e de mais de 16 Mil habitantes que existe no Município de Aveiro nem uma paga IPTU, com isso não têm como o Prefeito fazer MILAGRE.
O Município conseguiu negociar com a Previdência Social uma divida deixada Pelo Ex-Prefeito Ranilson Prado que também deixou travar uma verba de mais ou menos 2 Milhões de Reais para o Municipio, devido a péssima administração mostrando varias irregularidade e que o Prefeito atual Olinaldo Barbosa está negociando para que seja liberado para iniciar reparos por todo o Município.
Voltando para a manifestação, é direito de todos reivindicar e exigir melhorias para o Município mais tendo noção da verdadeira situação do Município, para terem uma ideia à única verba que o Município de Aveiro recebe do Estado é o repasse dos Impostos recadados pelos Município em geral que é repassa para o Estado por sua vez o Estado divide e repassa para todos os Municípios, se Aveiro recolhesse os impostos como IPTU, ALVARÀ, IPVA com certeza esse repasse do Estado seria Maior e o Município só ganharia com isso.
TODOS TÊM DIREITOS E DEVERES, VOCÊ ESTÁ FAZENDO SUA PARTE?

quarta-feira, 13 de novembro de 2013

Moradores em pé de Guerra contra prefeita de Itaituba




Na tarde desta terça, 12, moradores da 29ª Rua do Bairro do Piracanã já não aguentando mais tanta buraqueira interditaram a rua em três pontos para chamar atenção da Prefeita Eliene Nunes que gora virou turista só vive viajando e não para mais em Itaituba, passa mais tempo viajando do que na cidade trabalhando pelo povo, enquanto isso a cidade esta abandonada. 

A cidade de Itaituba esta abandonada em varias áreas, principalmente na infraestrutura, ninguém consegui andar pela cidade sem reclamar de tanta buraqueira, são ruas intrafegáveis, são moradores revoltados, são moradores interditando ruas, porque já não aguentam mais tanto sofrimento, tanto abandono. Mas todo mês o dinheiro esta caindo nas contas da prefeitura do município.
A administração da Prefeita Eliene Nunes chega aos 11 meses sem muito que comemorar, as poucas obras que tem no município são do governo do estado e federal, onde a prefeita tenta tirar proveito da situação, mas do município mesmo são pouquíssimas. Podemos citar o asfaltamento da Travessa João Pessoa que esta sendo feito a passos de tartaruga, as outras ruas estão praticamente intrafegáveis.
Quando a população elegeu a Professora Eliene Nunes como Prefeita de Itaituba, depositou na “Professorinha” um sonho de uma transformação para Itaituba, mas esse sonho esta longe de ser realizado, porque ate a gora a prefeita não conseguiu engrenar sua administração, já demitiu vários secretários, perdeu grandes aliados, entres eles Roselito Soares, que foi o principal cabo eleitoral para sua vitória, segundos relatos depois de eleita Eliene teria abandonado Roselito que hoje esta no PMDB.
Para piorar a situação da Prefeita ela perdeu agora o Vereador Isaac Dias que estava como líder de seu governo na Câmara Municipal, mas devido não dar importância para o vereador e não comunicar o mesmo de algumas decisões de seu governo o vereador entregou a liderança, o mesmo não conseguia falar com a prefeita nem por telefone, quando o vereador ligava era atendido por uma secretaria que avaliava se a prefeita podia atender ou não o vereador. A esposa do vereador Izaneide Bentes que estava como diretora administrativa da SEMED pediu exoneração da secretaria, ela também não estava sendo respeitada.




Fonte: Junior Ribeiro

terça-feira, 12 de novembro de 2013

MORADORES DO BAIRRO DA LIBERDADE INTERDITAM RUAS EM PROTESTO CONTRA A PREFEITA ELIENE NUNES


 

Cenário de abandono que se espalha em vários bairros da cidade
Insatisfeitos pelo que consideram  total abandono do bairro da Liberdade, moradores da sexta rua em protesto interditaram com lixo e entulho o tráfego naquele trecho. Os moradores dizem que estão esquecidos pelo governo municipal e que mesmo tendo dois vereadores da base aliada eleitos pelo bairro, as ruas estão em total precariedade, e tende a se complicar mais ainda com a chegada iminente do inverno. 
Uma crítica ácida e bem humorada na figura do espantalho, usada pelo povo

Mas  além da sexta outras ruas e travessa do bairro também estão nas mesmas condições, o que faz com que os moradores protestem indignados já que consideram que só são lembrados em época de campanha já que na opinião de vários deles a prefeita não vem cumprindo a palavra empenhada de quando ainda era candidata e prometeu mundos e fundos para o bairro. 

um dos moradores mais antigos do bairro desabafa "Na campanha ela só vivia aqui no bairro pedindo voto, depois de eleita sumiu, nem passa mais  e ninguém consegue mais falar com ela, só que quatro anos passam ligeiro e todos que fizeram isso com o povo não se reelegeram , o povo num é mais besta não"

segunda-feira, 11 de novembro de 2013

Vereador Isaac Dias entrega liderança do governo e Izaneide Bentes pede exoneração da SEMED

 



Segundo informações do próprio Vereador Isaac Dias do (PSB) ele já entregou a liderança do governo da Prefeita Eliene Nunes na Câmara Municipal.

Segundo o próprio vereador isso aconteceu devido à falta de comunicação, entre ele (líder de governo) com a prefeita Eliene Nunes. Como líder de governo o vereador estava sendo o ultimo, a saber, das ações do próprio governo, não conseguia falar diretamente com a prefeita, quando ligava, primeiro passava por uma assessora que avaliava se a prefeita poderia atender ou não o vereador, ale afirmou também que esta sendo bastante cobrado pelos colegas vereadores, quanto líder de governo, com relação com algumas ações que acontecem dentro do governo Eliene Nunes.

Segundo o vereador ele enviou um documento para o gabinete da prefeita Eliene Nunes entregando a liderança do governo, para isso não acontecer pediu mais informações sobre ações do governo, mas o vereador não recebeu nenhuma resposta, como isso, ele avaliou que a prefeita não precisa mais dele como líder de seu governo na Câmara Municipal. O discurso oficial para a entrega da liderança acontecera nesta terça feira, 12, em mais uma seção da Câmara Municipal, se não houver nenhuma negociação.

Com o vereador Isaac Dias na oposição as seções da Câmara Municipal poderão ficar mais agitadas. Parece que é isso mesmo que vai acontecer, sua esposa Izaneide Bentes que estava como diretora administrativa da Secretaria Municipal de Educação pediu exoneração do cargo por discordar de algumas ações do governo, a mesma também não estava sendo informada das decisões da secretaria. O que se sabe que a Prefeita Eliene Nunes vai perder duas grandes lideranças, caso isso realmente aconteça muita coisa poderá mudar, os dois que são sindicalistas tem grandes conhecimentos na área da educação do município, e com eles na oposição se acontecer algo de errado eles com certeza irão denunciar.

Fonte: Jr. 

sábado, 9 de novembro de 2013

A história do burro


 Um dia, o burro de um camponês caiu num poço. Não chegou a se ferir, mas não podia sair dali por conta própria.
Por isso o animal chorou fortemente durante horas, enquanto o camponês pensava no que fazer.
Finalmente, o camponês tomou uma decisão cruel:
concluiu que já que o burro estava muito velho e que o poço estava mesmo seco, precisaria ser tapado de alguma forma. Portanto, não valia a pena se esforçar para tirar o burro de > dentro do poço.
Ao contrário, chamou seus vizinhos para ajudá-lo a enterrar vivo o burro. Cada um deles pegou uma pá e começou a jogar terra dentro do poço.
O burro não tardou a se dar conta do que estavam fazendo com ele e chorou desesperadamente.
Porém, para surpresa de todos, o burro aquietou-se depois de umas quantas pás de terra que levou.
O camponês finalmente olhou para o fundo do poço e se surpreendeu com o que viu. A cada pá de terra que caía sobre suas costas o burro a sacudia, dando um passo sobre esta mesma terra que caía ao chão.
Assim, em pouco tempo, todos viram como o burro conseguiu chegar até a boca do poço, passar por cima da borda e sair dali trotando.
A vida vai te jogar muita terra nas costas. Principalmente se você já estiver dentro de um poço.
O segredo para sair do poço é sacudir a terra que se leva nas costas e dar um passo sobre ela. Cada um de nossos problemas é um degrau que nos conduz para cima.
Podemos sair dos mais profundos buracos se não nos dermos por vencidos.

sexta-feira, 8 de novembro de 2013

Cartorio Eleitoral é inalgurado no Municipio de Aveiro-PA


 
Cartório Eleitoral de Aveiro-Pa foi inaugurado agora a pouco pelo Prefeito Olinaldo Barbosa e que contou com a presença do Juiz Eleitoral que veio a pedido do Prefeito.
Mais uma vitória para o povo de Aveiro, essa inauguração de hoje com certeza vai trazer progresso e evolução para o Município e o prefeito Fuzica não está medindo esforços para que este Município possa evoluir








quinta-feira, 7 de novembro de 2013

ITAITUBA NAS MÃOS DE DEUS... MORTE DAS CRIANÇAS NO HMI. DUAS VERSÕES. UMA VERDADE!

 
Mais de uma semana e as famílias das crianças que morreram no HMI querendo uma explicação dos fatos. Cadê as autoridades cadê a Secretaria de Saúde cadê o Diretor do HMI cadê a Prefeita?


A frase ‘Errar é Humano’ é uma das mais comumente usadas por pessoas negligentes, como se um cachorro, cavalo, papagaio, periquito e etc também errassem, e que isso diminuiria sua falha. Errar é uma faculdade humana! Somente humana!
Os casos dos ‘falecimentos’ de dois recém-nascidos no outrora Hospital Municipal de Itaituba, mas que hoje cabe o nome de AÇOUGUE, em menos de 24 horas remete bem àquela frase.
Para evitar qualquer maledicência ou mal entendido quanto aos fatos, o blog ouviu a sra. Marilda Braga, Diretora do HMI, assessorada pelo Enfermeiro Rhaymisson Oliveira, bem como o pai da criança falecida. Atendendo pedido deste senhor (pai da criança), que está consternado (e não seria para menos) o blog não irá divulgar seu nome, mas, conforme a narrativa do fato, muitos saberão de quem se trata, pois ele é conhecido em nossa esburacada cidade. Assim como também não serão revelados os nomes do Enfermeiro e da Técnica em Enfermagem, nem o do Médico.
O blog está à disposição das partes para quaisquer esclarecimentos e/ou correções!

OS FATOS
O administrador do blog recebeu uma denúncia no dia 28/10 sobre uma possível negligência médica ocorrida no Hospital Municipal de Itaituba aquando do parto de uma jovem mãe de primeira viagem.
O que relato a seguir é a versão (quase idênticas!) da pessoa que fez a denúncia e a do pai da criança, a quem entrevistei no dia 29/10, em sua residência.
No dia 25/10, por volta das 18 horas, uma senhora deu entrada no Hospital Municipal de Itaituba, Oeste do Pará, para trabalho de parto. A grávida preferiu o hospital público por ter conhecimento com um Enfermeiro, que não estava de plantão na noite do parto. Mas, o que era para ser um procedimento cirúrgico simples, revelou-se uma tragédia. Para a família e amigos dos pais!
Após dilatações necessárias, a grávida foi encaminhada à sala de parto e, por ter a parturiente compleição física pequena, deveria receber um tratamento diferenciado; mas não foi isso o que ocorreu, pois que, antes do parto, não foi solicitado exame de ultrassonografia para saber a posição do feto e se haveria alguma complicação (como o cordão umbilical envolvendo o pescoço da criança ou se esta estava na posição correta para o nascimento) com o bebê, assim como não estavam presentes na sala de parto o Enfermeiro(a) e Médico Obstetra.
Na hora do procedimento do parto natural, por volta das 20h, a Técnica em Enfermagem somente teve ajuda do marido da paciente e de uma tia desta, porque não havia Médico Obstetra (ou qualquer outro médico), ou Enfermeiro para acompanhar o procedimento de nascimento da criança.
Pelo tamanho do bebê (com 4,3Kg), foi feito um corte para a saída do bebê e, quando do nascimento da criança, a tia da mãe do bebê informou à Técnica em Enfermagem que a criança estava ficando roxa, porém a Técnica disse que estava tudo bem, mas em seguida apareceu um Enfermeiro e este chamou um Médico (que estava na sala de cirurgia), que entubou a criança; após alguma espera pela médica pediatra que estava fora do Hospital (mas que apareceu), o médico mandou a criança para a UCI acompanhada da Pediatra.
Devido ao corte profundo feito na paciente, chamaram o Dr. Benigno Reges para fazer a sutura, apesar de haver dois médicos - um de Santarém -, no Hospital Municipal naquele momento, precisaram chamar um terceiro médico para tal procedimento.
Após o fechamento do corte, foi feita a limpeza da ferida, mas de forma desumana e grosseira, o que ocasionou a ruptura de três pontos e mais transtornos para os familiares ali presentes (palavras do pai da criança!)
Após a ida da criança para a UCI e contatos mantidos pelo pai da criança com o pessoal daquela Unidade para saber a evolução do estado de saúde do bebê, aqueles diziam que a criança estava reagindo bem!
Com essas notícias, o pai foi resolver outros assuntos relativos ao nascimento de seu filho ante as palavras de tranquilidade. Mas nesse ínterim, o Enfermeiro Rhaimysson estava tomando todas as providências para o encaminhamento do bebê para Santarém, inclusive já havia um avião à disposição.
O que se depreende dessa preocupação (louvável!) do Enfermeiro é que alguém o comunicou do estado crítico da criança (note-se que este Enfermeiro não estava na sala de parto!), que deveria ser removida o mais rápido possível, haja vista Itaituba não ter nenhum tipo de Especialista nessa área.
Mas por volta das 2h30 de sábado, o pai da criança recebeu uma ligação informando-o de que seu bebê não resistira. Naquele momento ficou sem chão, posto que haviam dito a ele que o bebê estava bem!
Mas não tinham dito a este de que havia melhoras no quadro de saúde da criança? Quem estava cuidando de seu bebê? Qual o motivo do óbito da criança? Essas perguntas permeiam a cabeça dos pais, familiares e amigos deste.
O pai falou-me que houve, sim, negligência no HMI, pelo fato de não haver qualquer Médico e Enfermeiro no momento do nascimento e, o pior de tudo, não ter sido feito uma ultrassonografia. Mas medidas serão adotadas, conforme relatos do pai!
Após passar por todos esses dissabores emocionais fortíssimos, os pais ainda souberam que no dia seguinte (27/10), quase no mesmo horário, houve o falecimento de MAIS uma criança, quase da mesma forma no ‘Hospital’ Municipal. Ou seja, DOIS óbitos de duas pessoinhas indefesas em menos de 24 horas!
ALÔ MINISTÉRIO PÚBLICO! OAB! ISAAC DIAS!
O pai desse segundo bebê falecido, transtornado por tão grande perda, fez um quebra-quebra dentro do Municipal.
Mas mesmo assim NENHUM canal de televisão, Jornal ou blog divulgou tais notícias. POR QUE SERÁ?
Quanto estar a nos custar o silêncio desses ‘profissionais’?

A VERSÃO DA SEMSA
De posse da denúncia, o administrador do blog foi à procura (por volta das 16h do dia 29/10) da Diretora do Hospital Municipal de Itaituba-HMI, sra. Marilda Braga e, na sala desta, expôs a denúncia feita ao blog.

Após ouvir atentamente a denúncia, a Diretora do HMI informou que em momento algum a parturiente esteve desassistida, seja por Enfermeiro, Técnico ou Médico, sendo que os dois primeiros têm vários anos no exercício das respectivas profissões e que no momento do parto havia uma Técnica em Enfermagem e um Enfermeiro, sendo que o Médico estava na sala de cirurgia juntamente com outro médico de Santarém e, quando foi necessária a sua presença, como para entubar o bebê, o mesmo se fez presente.
Que após entubar a criança, o Médico a mandou para a UCI na companhia de uma Médica Pediatra e que foram envidados todos os esforços para o pronto restabelecimento da saúde do bebê.
Questionei à Diretora se não haveria necessidade de se fazer uma cesariana em virtude da pequena estatura física da paciente e também pelo tamanho do bebê. Informou a Diretora que ela, quando teve uma filha com quase 5Kg, não precisou fazer cesariana; a Sra. Marilda Braga deve saber que nenhum parto é igual, assim como nenhuma gestação também é parecida!
Para corroborar o que foi dito pela Diretora do HMI, o sr. Rhaymisson me disse que a mãe do bebê teria ligado a este para agradecer o apoio recebido na hora do parto, assim como librou a mãe da criança para participar do velório.
É verdade, mas tal ligação foi feita para agradecer (o que foi ratificado pelo pai da criança) pelos esforços feitos pelo Rhaymisson para a transferência da criança para Santarém. Somente por isso!
Informou-me ainda a Diretora do HMI que a partir de janeiro/2014 acaba o sobre aviso de médicos e enfermeiros e de técnicos em enfermagem naquele local. Assim esperamos, mas esse sobre aviso não é desculpa para que duas crianças faleçam em menos de 24 horas.
O pai da criança atentou para uns detalhes importantes sobre o trabalho desenvolvido no HMI, que pode ser uma das causas de tal infanticídio no HMI: a imensa quantidade de estagiários de enfermagem sem o devido acompanhamento e o entra e saí de pessoas estranhas ao corpo médico.
No link abaixo, veja os comentários sobre tal assunto:
"O bebe da XXXXX, filha da XXXXXX q nasceu as 8:30 de sexta feira dia 25 e morreu as 2. Da manha de sábado .no municipal .o bebe nasceu com mais de quatro kilos ela nao podia ter normal pois era o primeiro filho .a criança ja nasceu sem respirar com o cordão laçado enfim .se ela fosse acompanhada por um medico talvez a criança tivesse sobrevivido .so chamaram o medico quando nao tinha mais jeito"

"SE OS MÉDICOS TIVESSEM EXAMINADO ELA ANTES TERIAM VISTO QUE ELA NÃO TERIA CONDIÇÃO DE TER DITO NORMAL.E TERIAM OPERADO . COM CERTEZA SALVARIAM A CRIANÇA."

"SE OS MÉDICOS TIVESSEM EXAMINADO ELA ANTES TERIAM VISTO QUE ELA NÃO TERIA CONDIÇÃO DE TER DITO NORMAL.E TERIAM OPERADO . COM CERTEZA SALVARIAM A CRIANÇA."
 

quarta-feira, 6 de novembro de 2013

CADÊ O BEC PARA ASFALTAR A TRANSAMAZÔNICA? SUMIU... E AGORA QUEM VAI TAPAR OS BURACOS?



Isso não é na trans-garimpeira, e em Itaituba perímetro urbano
É a pergunta que está no ar, pois foram vistos vários militares do 8º BEC na Rodovia Transamazônica e depois de alguns dias sumiram. Os buracos continuam tomando conta desta rodovia, no trecho urbano da cidade de Itaituba sem que nenhuma providencia seja tomada.
É claro que queremos o asfaltamento de toda a sua extensão, mas enquanto isto não é feito, a prefeitura poderia pelo menos colocar piçarra ou brita com cimento em alguns locais, como em frente a Loja Casa Branca, na rotatória, cruzamento da rodovia com a Avenida Belém e Marechal Rondon, em frente ao Posto Equador,  e em frente a Carne de Sol do Netinho, com isso iria diminuir,  em parte, o sofrimento dos condutores de veículos que usam esta rodovia.
 
Risco constante para pedestre, cuidado!
Esta faltando vontade e compromisso para, enquanto não se asfalta, tapar pelo menos estes mais cruéis trechos da Transamazônica. Parece que, tanto a prefeita Eliene Nunes, seus secretários, seus assessores ou até mesmo os vereadores não andam nas ruas de Itaituba, porque se assim o fizessem com certeza nossas ruas estariam melhores. Se agora não é possível asfaltar, vamos recuperar para que possamos trafegar sem tanto buraco e lama em nossas ruas. Do jeito que estão nossas ruas não é possível PREFEITA ELIENE NUNES. Pelo menos, MANDE tapar os buracos. É UMA COISA SIMPLES, MAS QUE NÃO ESTÁ SENDO FEITO E ISTO VEM REVOLTANDO A POPULAÇÃO A CADA DIA QUE PASSA. ATÉ QUANDO A POPULAÇÃO VAI AGUENTAR TANTO BURACOS NA CIDADE?






domingo, 3 de novembro de 2013

Aluna de 14 anos pergunta: o que você tem a ver com a corrupção?

Gostaria de agradecer a você, leitor, por estar lendo este texto que lhe fará pensar no que você tem a ver com a corrupção. Vamos começar? É evidente que vocês já ouviram falar sobre a corrupção. Mas será que já pararam para pensar sobre o que vocês têm a ver com a corrupção?
Em primeiro lugar, quero dizer que corrupção pode ser definida como utilização do poder ou autoridade para fazer uso do dinheiro público para seu próprio interesse, de um integrante da família ou amigo, não levando em conta os interesses das demais pessoas ou até mesmo de uma sociedade. Mas onde essa prática está presente? Infelizmente, essa prática está presente nas três esferas do poder: Legislativo, Executivo e Judiciário.
Mas vocês acham que a corrupção está presente apenas na política? Cuidado! Vocês podem estar enganados. A corrupção está à nossa volta, em várias atitudes do dia a dia, como colar na prova, furar a fila quando esta é muito longa, apropriar-se do que não é seu, sonegar impostos, não dar nota fiscal, oferecer suborno, falsificar assinaturas em documentos, votar num candidato em troca de favorecimento pessoal, em troca de um emprego, de um cargo, de material para construção, entre outros.
Enfim, a corrupção ocorre a todo momento, a cada instante, e nós, cidadãos, fechamos os olhos e fazemos de conta que não vemos, enquanto a corrupção está aqui, ao nosso lado, à nossa frente, dentro de nós. Vocês, adultos, que têm o poder de votar e eleger um candidato, um representante do nosso País, do nosso Estado, da nossa cidade, muitas vezes pensam assim: “Acho que este vai ser um bom candidato, vamos votar neste mesmo”. Não é assim! Pesquise! Observe! Vote em quem trará benefícios à sua comunidade, à sua sociedade.
Mas as coisas não param por aí. A corrupção é um ato que traz consequências para o corrupto, que vão desde o isolamento das demais pessoas de sua sociedade, para não ter seus atos descobertos, à perda de amigos e familiares. Além da punição, do julgamento, levando o corrupto à prisão para ter os danos causados reparados. Mas, infelizmente, a probabilidade de punição por corrupção no Brasil é de apenas 5%.
O que fazer para aumentar esta porcentagem? Simples: não pratique, denuncie, critique. Está na hora de acabar com isso. Não podemos ser vencidos pelo cansaço, tornando-nos alheios a tudo isso. Precisamos ser pacíficos, mas não devemos ser omissos. Precisamos cobrar nossos direitos, exigir dos nossos representantes uma administração pública limpa e digna, voltada para os interesses de cada cidadão.
Precisamos eliminar os maus políticos e servidores públicos que mancham nossa imagem. Além disso, devemos ser honestos, olhar para dentro de nós, ter atitudes dignas, respeitar os direitos de todos, não querendo levar vantagem em tudo. O Brasil vai melhorar a partir da nossa mudança.
Temos que nos mobilizar, nos indignar, cobrar, denunciar os que cometem atos corruptos. Afinal, o que queremos para a nossa sociedade? Respeito, ética, organização, direitos preservados, representantes honestos, queremos ser felizes. A situação pode, sim, ser mudada. Desde que você, eu, nós nos manifestemos abertamente, pois nossa manifestação, quando multiplicada, gerará a necessária mudança de opinião pública a respeito do assunto.
Diga não à corrupção! Aja consciente! Façamos a diferença!
* 14 anos, aluna do 8º ano D da Escola Municipal Valentim João da Rocha, do bairro Vila Nova

sexta-feira, 1 de novembro de 2013

TIM disponibiliza infraestrutura para monitoramento de chuvas em áreas de risco




Tarja Tim,TIM Cor


Tarja Tim



TIM disponibiliza infraestrutura para monitoramento de chuvas em áreas de risco
Será realizado o monitoramento da quantidade de chuvas em áreas de risco de deslizamentos e de inundações em todo o Brasil.
A TIM acaba de disponibilizar nesta semana 150 chips com conexão de dados gratuita para o Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden), orgão do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI). A infraestrutura servirá para o monitoramento da quantidade de chuvas em áreas de risco de deslizamentos e de inundações bruscas em todo o Brasil.
 Neste primeiro momento, os chips serão instalados nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Espírito Santo e Santa Catarina. Ainda não foi definida a quantidade de chips para cada região. A distribuição será estudada pelo Cemaden a partir de critérios técnicos. Com o aumento das chuvas, alertas são enviados ao Centro Nacional de Gerenciamento de Desastres - Cenad, que aciona as defesas civil estadual e municipal, para se necessário, remover pessoas das áreas de risco.
 Nesta parceria, a instalação e a manutenção dos equipamentos serão de responsabilidade do Cemaden, enquanto a TIM oferece, além do local para a instalação do pluviômetro, os chips para a transmissão dos dados. “Trata-se de um tráfego de dados gratuito com o qual será possível medir, a cada cinco minutos, a quantidade de chuvas nas áreas de risco”, afirma Leandro Guerra, diretor de Relações Institucionais da TIM. A empresa estuda, ainda, a possibilidade de ampliar o investimento no projeto, disponibilizando, até o fim do ano, mais 400 chips. 
Este projeto é mais uma iniciativa do Instituto TIM, que tem como principal objetivo criar e potencializar recursos estratégicos para a democratização da ciência e inovação, promovendo o desenvolvimento humano, utilizando a tecnologia móvel como um dos principais habilitadores. Em agosto deste ano, a operadora lançou o Instituto TIM durante evento no Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), que contou com a presença do ministro Marco Antonio Raupp e do presidente da TIM, Rodrigo Abreu. O Instituto TIM já nasceu com oito projetos em andamento, quatro em fase de implantação, com o apoio a quatro museus e centros tecnológicos, além de seis ONGs.
Tarja Tim